Seja bem-vindo. Hoje é .

AUGUSTINÓPOLIS: Comandante do 9º BPM é um dos palestrantes da I Jornada Jurídica da FABIC

ASCOM/9º BPM – 06/04/2017 – Na noite desta quarta-feira, 05, o comandante do 9º Batalhão da PM (BPM) em Araguatins, major PM Valdeonne Dias da Silva, esteve participando como um dos palestrantes durante a I Jornada Jurídica promovida pela Faculdade do Bico do Papagaio (FABIC) em Augustinópolis, no norte do Tocantins.

O evento organizado pelo corpo docente da instituição de ensino reuniu cerca de mais de 150 alunos acadêmicos do curso de Direito. A palestra foi realizada na quadra de esportes do colégio estadual Manoel Vicente de Sousa, no centro da cidade.

Major Valdeonne foi recepcionado pela coordenadora do curso de Direito da FABIC, Valda Pereira Costa. O encontro teve dois palestrantes, além do comandante do Batalhão, o qual falou sobre “Segurança Pública”, a palestra contou também com a participação do juiz de Direito da Comarca de Augustinópolis, Dr. Jefferson David Asevedo Ramos, o qual falou sobre “Processo Civil”.

Dr. Jefferson, primeiro a fazer uso da palavra, frente ao Processo Civil, ele abordou diversos tópicos, bem como, temas relacionados aos pressupostos processuais e condição da ação. Sobre “Segurança Pública”, major Valdeonne, enfatizou sobre o sistema que compõe a própria segurança e as dificuldades enfrentadas para consolidá-lo e o papel do cidadão na construção de um modelo eficaz de segurança pública.

O comandante finalizou convidando o plenário a refletir sobre o que a Constituição Federal estabelece quanto a Segurança Pública, ao dividir as responsabilidades entre a obrigação do estado federado e o dever de seus cidadãos.

A I Jornada Jurídica da Faculdade do Bico do Papagaio, objetiva alcançar todo o corpo discente, visando os novos direitos no Brasil, que para ela, é “uma visão básica das novas conflituosidades jurídicas”.

Texto e crédito das fotos: 1º Ten PM Deuramar Ribeiro




Postar um comentário

0 Comentários

NOTÍCIA DESTAQUE

ARAGUATINS: Sargento Flávio assina pedido de transferência para a reserva da PMTO após 30 anos de serviço