Seja bem-vindo. Hoje é .

Anúncio

Comando do 9º BPM apresenta projeto de videomonitoramento para quase 70 pessoas durante reunião na câmara em Araguatins


ASCOM/9º BPM – 23/05/2019 – Cerca de quase 70 pessoas, estiveram reunidos na noite dessa quarta-feira, 22, no auditório da câmara municipal de vereadores, atendendo convite formulado pelo comandante do 9º Batalhão da PM (9º BPM), tenente coronel Weslley Dias Costa, com o objetivo de apresentar ao público o projeto de implantação do sistema de videomonitoramento urbano em Araguatins.

A reunião contou com a presença do prefeito municipal Cláudio Carneiro Santana; o presidente da câmara, vereador Darlan Gomes Chagas acompanhado de vereadores; os promotores de Justiça, doutores, Décio Gueirado Júnior e Guilherme Cintra Deleuse; o delegado de Polícia Civil, Rubem Dario Gomes Paixão, acompanhado de agentes de polícia; além de representante da Associação Comercial e Industrial de Araguatins (ACIAT) acompanhado de empresários e industriais; Conselho de Segurança da cidade (CONSEG); gerentes de lojas e das agências financeiras e membros da comunidade local.

Tenente coronel Weslley, acompanhado do subcomandante do Batalhão, major Sandro de Lima Silva e demais militares, realizou a apresentação do projeto por meio de slide. Destacou a importância de sua implantação urbana, especialmente na área comercial, e os resultados positivos na Segurança Pública, providos por meio do sistema de monitoramento. O comandante destacou as três cidades do Tocantins: Augustinópolis, Miracema do Tocantins e Lagoa da Confusão que já possuem o sistema instalado.

De acordo com o comandante: “as imagens serão por meio de câmeras sofisticadas, modernas e de alta resolução, usadas exclusivamente na área de Segurança Pública, com central de monitoramento instalada no quartel do 9º BPM. A filmagem será sem a exposição ao público de transeuntes ou de qualquer cidadão”, disse tenente coronel Weslley.

O comandante enfatizou ainda que a implantação do sistema, dividido em três etapas, só será possível com a participação dos empresários, dos órgãos públicos e da comunidade. “De acordo com o projeto, o custo benefício para a implantação do sistema se torna leve quando todos participam; pois, a Segurança Pública é dever do Estado, em consonância com a sociedade”, declarou tenente coronel Weslley.

Fizeram uso da palavra o prefeito Cláudio, o promotor de Justiça Décio, o representante da Aciat, Eucleber Amaral e o técnico da empresa de 63 Telecom, responsável pela fibra ótica na cidade.

A reunião encerrou com resultados bastante produtivos. O prefeito Cláudio, os gerentes de bancos e empresários se prontificaram em contribuírem com o que for necessário para a imediata efetivação do projeto em Araguatins, que terá um custo parcial em torno de R$ 130 mil reais. @9bpm_oficial - @pmto_oficial
Assista vídeo - Sistema de videomonitoramento implantado em Porto Alegre, RS.






Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em Destaque

PM finaliza instrução de manuseio de armamento e tiro policial para militares em Araguatins