Seja bem-vindo. Hoje é .

Anúncio

PM reúne com ocupantes da fazenda Estrela de Davi em São Bento do Tocantins a fim de tratar sobre reintegração de posse


Cerca de 80 famílias estão acampadas ilegalmente na fazenda Estrela de Davi. A ação foi judicializada e os acampados tem até o dia 13 de dezembro para deixarem o local.

28/11/2019 - Ascom/9º BPM

A Polícia Militar (PM) por meio do 9º Batalhão da PM (9º BPM) em Araguatins esteve reunida na manhã desta quinta-feira, 28, com várias famílias ocupantes da fazenda Estrela de Davi, localizada no povoado Ronca município de São Bento, a fim de tratar da reintegração de posse a ser realizada naquela propriedade conforme a lei.  

A reunião ocorreu no auditório da Câmara Municipal de São Bento sob a direção do comandante do 9º Batalhão, tenente-coronel Weslley Dias Costa.

Além da PM, estiveram também presentes o presidente da Câmara de Vereadores daquela cidade, José Edimar Volos Santos, acompanhado de vários outros vereadores do município; representantes da Polícia Civil; Defensoria Pública; Conselho Tutelar; advogados; membros do judiciário da Comarca de Araguatins; coordenadoria da Pastoral da Terra, dentre outras lideranças.



O objetivo da reunião foi orientar aos ocupantes da fazenda sobre o cumprimento do Mandado de Reintegração/Manutenção de Posse, conforme determinação judicial lavrada pelo juiz de Direito da 1ª Vara Cível da Comarca de Araguatins, José Carlos Tajra Reis Júnior.

Comandante Weslley Dias destacou que a Polícia Militar prestará de maneira incondicional total apoio ao oficial de Justiça que estará à frente da ação judicial. "O trabalho da Polícia Militar em relação a Reintegração de Posse, é regida em consonância a Diretriz da Ouvidoria Agrária Nacional, que versa sobre Mandados Judiciais de Manutenção e Reintegração de Posse no Brasil. Caso não haja acordo na desocupação do imóvel, a PM fará o cumprimento da ação", afirmou o comandante.

No término da reunião ficou acertado que em razão de não haver outra alternativa, pois a ação foi judicializada, resta apenas as famílias cumprirem a determinação judicial, e que os ocupantes do imóvel terão até o dia 13 de dezembro desse ano para deixarem o local.      

De acordo com levantamento, cerca de 80 famílias estão acampadas ilegalmente na fazenda Estrela de Davi. (Imagens: Capitão PM Dourivan Santos)

Postar um comentário

0 Comentários

Postagem em Destaque

Ação conjunta das Polícias Militar e Civil culminou na apreensão de três armas de fogo e munições no povoado Bacaba, em Araguatins